terça-feira, 11 de abril de 2017

Ora vamos lá falar de um assunto que me apoquenta de sobremaneira. E não, não são os anúncios da Planta ou do Surf. É mesmo de sobrancelhas.

Eh pá. Não sei se costumam reparar nessas coisas, mas há sobrancelhas muito más. E não estou a falar daquelas farfalhudas, por depilar, que essas têm sempre solução.
Refiro-me às ditas que já passaram pela pinça ou pela cera e que mais valia que as respetivas donas estivessem quietinhas, em vez de estragarem o que a natureza lhes deu.
Quando vejo algumas sobrancelhas penso: mas será que estas criaturas não olham todos os dias ao espelho e não percebem que há ali qualquer coisa de muito errado?? É que ainda por cima não custa assim tanto resolver o problema: é deixar crescer e fazer de novo, sejam as próprias, a esteticista ou a vizinha que acha que tem jeito para a coisa.
Nas minhas ninguém toca, que tenho pra aqui umas cicatrizes manhosas e prefiro ser eu a arranjá-las. Como são claras e pouco peludas, também não dão assim tanto trabalho.
Mas, pessoas que tem "pontos e vírgulas" desenhados, sobrancelhas com meio metro de distância uma da outra ou tão finas que fica um mísero pelo ao lado do outro, por favor, vejam lá se dão um jeito a isso. É que umas sobrancelhas naturais e arranjadinhas dão logo outro ar e fazem toda a diferença. 

Agora um exercício simples. Se as vossas sobrancelhas se assemelharem a qualquer um destes exemplos, por favor, marcai esteticista e ide tratar disso!







4 comentários:

  1. Eu sou pessoa, digamos, sobrancelhuda. Aqui há uns anos também me quiseram depenar. Que ia 'afinar o rosto' e ficar mais bonita! É que nem tocaram. Aliás, muito pouca gente está autorizada a tocar nas minhas sobrancelhas exactamente por causa de exemplos destes que eu vou vendo ao vivo e a cores!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    2. Prefiro mil vezes umas sobrancelhas naturais e com mais pelos, do que aquelas com ar totalmente falso!

      Eliminar
  2. eu tenho que dar um toque com lápis..resquicios de quimio

    ResponderEliminar